Lentes de Contato

lentes de contatoO uso de Lentes de Contato é uma forma eficiente para corrigir a visão, quando feito com cuidado e supervisão apropriados.

O exame completo do olho, a perfeita adaptação, o acompanhamento oftalmológico e a obediência às orientações recebidas são condições indispensáveis para o uso confortável e seguro das lentes de contato em longo prazo.

Tipos de lentes:

  • Rígidas de Polimetilmetacrilato (PMMA): Pouco usadas nos dias atuais, foram quase totalmente substituídas pelas lentes de contato rígidas gás-permeáveis por não permitirem a passagem de oxigênio através de seu material;
  • Rígidas de Polimetilmetacrilato (PMMA): Pouco usadas nos dias atuais, foram quase totalmente substituídas pelas lentes de contato rígidas gás-permeáveis por não permitirem a passagem de oxigênio através de seu material;
  • Gelatinosas Hidrofílicas: São fabricadas a partir de materiais plásticos que absorvem água, deixando-as macias, flexíveis e confortáveis. O oxigênio alcança a córnea através de seus poros e a quantidade que lá chega varia de acordo com a hidratação e a espessura da lente;
  • Gelatinosas de Silicone-Hidrogel: Nova geração de materiais que permitem a oxigenação da córnea três a seis vezes mais do que as lentes de contato hidrofílicas. O silicone é responsável pela alta permeabilidade do oxigênio;
  • Híbridas: Combinam um centro de regidas gás-permeável e a periferia gelatinosa. São indicadas para casos especiais.

Formas de uso

  • Uso diário: uso da lente de contato por um número limitado de horas;
  • Uso prolongado: número ilimitado de horas durante o período da vigília;
  • Uso contínuo: uso da lente durante o sono, com remoção para limpeza periódica;
  • Uso flexível: uso prolongado com eventual uso contínuo (dormir com a lente esporadicamente);
  • Uso ocasional: uso eventual da lente (social ou esportivo).

 

Conheça o especialista da área:

 

Clique AQUI e saiba mais sobre Lentes de Contato